Virtualização não mediada de servidores

Instruções de virtualização elaboradas no kernel

A principal diferença entre os KVM Virtual Private Servers e quase todos os outros servidores virtuais consiste no próprio método de virtualização. Por meio dos Servidores KVM, o servidor não requer um programa virtualizador adicional para ser executado- em vez disso os procedimentos do software que se precisam estão sendo compiladas no sistema operativo do anfitrião. Isto é uma abordagem que diminui notavelmente aquela quantidade dos recursos que o servidor há de reservar a fim de executar aplicativos de software adicionais ficando os tais recursos livres em benefício às máquinas hóspedes. O fato de eliminar o tal estrato de comunicação estra acaba por reduzir o intervalo de espera de entrada/saída, realmente fazendo o Servidor VPS correr muito mais rápido.
Virtualização não mediada de servidores

Um aproveitamento dos recursos mais preciso

Reserva do servidor à sua disposição em tempo real

Por meio de excluir a sobrecarga de ter que passar por mais um nível de virtualização através da qual se encaminha toda a comunicação com o servidor principal, os Servidores Privados Virtuais KVM podem disfrutar de um aproveitamento muito mais razoável dos recursos dos servidores. As dicas de virtualização KVM integram-se no próprio núcleo do sistema operativo do servidor físico, querendo dizer que não há mediação nenhuma na comunicação entre os Servidores Privados Virtuais KVM e o hardware do servidor. A tal reduzida redundância de comunicação dá como resultado um rendimento em términos reais muito mais célere, frente a outras soluções de virtualização.
Um aproveitamento dos recursos mais preciso

Pleno controle no que se refere ao SO

Plena liberdade na instalação daquele SO que tiver selecionado

Uma das limitações dos Servidores Privados Virtuais, se comparados com os servidores reservados resulta ser o próprio sistema operacional – muitas vezes só é possível optar por um dos sistemas operacionais na lista do provedor. Com a ajuda de um KVM VPS, pois, é alcançável instalar mais ou menos cada sistema operativo capaz de funcionar corretamente com o seu servidor e o hardware do servidor mestre. Este cenário é realizável devido à maneira única em que a virtualização KVM funciona. KVM é diretamente integrado do SO do servidor host, fazendo com que as máquinas de convidado mantenham a comunicação diretamente com e o hardware, eliminando a necessidade de um outro nível de comunicação, utilizado no resto dos métodos de virtualização.
Pleno controle no que se refere ao SO
  • Centro de Dados em EUA
  • Centro de Dados em EUA

    Steadfast, Chicago, IL